CBRE divulga que investimento no Mercado de Retail Europeu atinge €4,6MM no 1º trimestre de 2012

    O volume de investimento no mercado imobiliário de retail europeu abrandou durante o primeiro trimestre de 2012 (Q1 2012), tendo-se registado poucas transações de grande dimensão.


    Contudo, a confiança dos investidores mantém-se firme e os níveis de atividade deverão aumentar a partir do segundo trimestre de 2012, de acordo com o mais recente estudo da consultora imobiliária global, CBRE.

    O mercado de investimento no setor de retail na Europa totalizou 4,6 mil milhões de euros no primeiro trimestre de 2012, o que representa uma queda de 64% na atividade, por comparação ao último trimestre de 2011 e menos de metade da média trimestral dos últimos dois anos, de 9,4 mil milhões de euros.

    A atividade abrandou em todas as regiões, trazendo a quota de retail do total de investimento imobiliário comercial na Europa para menos de 20%. Apesar de a confiança dos investidores se manter particularmente firme na Alemanha, os níveis de atividade do primeiro trimestre de 2012 caíram ainda assim para 1,35 mil milhões de euros, um valor consideravelmente abaixo da média trimestral dos últimos dois anos, de 2,4 mil milhões de euros.

    Em especial, o investimento no mercado da Europa Central e de Leste foi muito reduzido (pouco menos de 200 milhões de euros), apontando-se a falta de financiamento e de produto adequado como fatores que contribuíram para o contido nível de transações.

    Os bancos e outras entidades financeiras são fontes potenciais de produto novo. Face à contínua deterioração dos indicadores de confiança das instituições de crédito e às novas regulamentações bancárias, as entidades financeiras estão a tornar-se mais ativas quanto às estratégias de desalavancagem. Há mais produto a entrar no mercado, na maioria dos casos através de vendas ‘incentivadas pelos bancos’, realizadas por quem requereu o financiamento originalmente. Esta situação gera oportunidades significativas para aceder a produtos, especialmente em relação a ativos com valor acrescentado e mais secundários que oferecem um potencial de retorno mais elevado.

    A queda do investimento no segmento de retail verificou-se independentemente do forte aumento da procura por parte dos investidores no setor ao longo dos últimos anos e das projeções similares. De acordo com os mais recentes inquéritos às intenções dos investidores realizados pela CBRE e pela INREV, o setor de retail apresenta-se como principal escolha de investimento para 2012 e tal deverá refletir-se nos níveis de atividade de investimento a partir do segundo trimestre de 2012.

    Fonte: CBRE
    Data: 12/06/2012

    Post to Twitter

    Imprimir notícia Imprimir notícia

    Deixe o seu comentário ou questão:

    Tem que estar registado para publicar um comentário.

Twitter links powered by Tweet This v1.6.1, a WordPress plugin for Twitter.